Santo Augusto Urgente! Anuncie onde seu cliente também vê!   I    Brigada Militar apreende drogas armas e munições em Campo Novo   I    Princípio de incêndio é registrado em residência do Bairro Santa Rita   I    Polícia indicia 37 integrantes de quadrilha do RS que vendia peças de carros roubados pela internet   I    Criminoso tenta assaltar policial civil e acaba morto   I    Velório de Leonardo Camargo acontece no Passo da Lage
20 de novembro de 2017

Adolescente foi sequestrado e mantido em cativeiro em Uruguaiana

Um quinto suspeito procurado após o sequestro de um adolescente de 16 anos em Uruguaiana foi preso no sábado (18) na cidade da Fronteira Oeste do Rio Grande do Sul. Conforme a Polícia Civil, o homem de 32 anos seria o responsável pelo cativeiro. Logo após o crime ser descoberto, três pessoas da mesma família foram presas. Uma quarta se entregou na última quinta-feira (16).
Conforme o inspetor Cristian de Moraes, da Delegacia Especializada em Furtos, Roubos, Entorpecentes e Capturas (Defrec) de Uruguaiana, o homem admitiu que participou do sequestro. Ele disse que aceitou porque precisava de dinheiro. A investigação apurou que ele receberia R$ 30 mil.
Ele e os outros quatro presos estão na Penitenciária Modulada de Uruguaiana, em prisão temporária de 30 dias, enquanto o inquérito é finalizado pela polícia.
O sequestro durou 32 horas. Os criminosos exigiam R$ 200 mil da família da vítima, o que acabou não se concretizando. Policiais de Uruguaiana se mobilizaram para o desfecho do caso com a ajuda de uma equipe de Porto Alegre.
Na quarta (15), o adolescente foi libertado sem o pagamento do resgate. Os criminosos já eram monitorados. O jovem foi deixado em frente a uma loja, por volta das 20h30.
Conforme a polícia, a mulher que se entregou no dia 16 trabalhava como empregada doméstica na casa dos pais da vítima do sequestro, uma família tradicional da cidade.
“Sabiam que a família estava fazendo uma negociação grande de dinheiro, de R$ 200 mil, por isso o preço do resgate”, explica o delegado Ênio Tassi.
A irmã, o irmão e o cunhado da doméstica foram presos antes. A polícia acredita que pelo menos mais duas pessoas possam estar envolvidas no crime.

Adolescente foi abordado ao sair de colégio
Era por volta das 13h de terça-feira (14) quando o adolescente saiu do colégio e seguia a caminho de casa. A câmera de segurança de uma loja captou a imagem de um Renault Logan de cor prata passando pela rua. Em seguida, o menino foi abordado pelo grupo.
Ele foi levado para uma casa no bairro João Paulo II, onde foi mantido em cativeiro. Os sequestradores passaram a ligar para a mãe da vítima exigindo R$ 200 mil para o resgate. Segundo a polícia, eles ameaçavam matar o adolescente caso o dinheiro não fosse entregue.
A mãe do menino comunicou a Polícia Civil. Agentes de toda a região foram mobilizados para auxiliar no caso e um helicóptero foi utilizado para ajudar nas buscas.
Uma equipe do Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic) também foi deslocada de Porto Alegre para dar suporte à família na negociação.

Fonte: G1RS

Santo Augusto Urgente

Notícias Relacionadas

  • Assalto à mão armada termina com as...

    17 de julho de 2018
  • Brigada Militar apreende drogas arm...

    17 de julho de 2018
  • Polícia indicia 37 integrantes de q...

    17 de julho de 2018
  • Criminoso tenta assaltar policial c...

    17 de julho de 2018

NOTÍCIAS

PUBLICIDADES

NOTÍCIAS NO SEU E-MAIL

Cadastre-se para receber.

Entre em contato conosco



(55) 9 84034561 / (55) 9 96195305 Santo Augusto/RS / CEP: 98590-00
Copyright 2017 ® Santo Augusto Urgente - Todos os direitos reservados